X
X

 
 
 
SBiblioteca
 

Projeto Outono mantém acervo com obras variadas
Biblioteca da Agência Ambiental Pick-upau tem obras clássicas e conteúdo ambiental

28/01/2014 – O Projeto Outono – Folhas do Conhecimento foi criado em 2007 com objetivo de promover a educação, a manutenção e a preservação ambiental através da leitura e do conhecimento. Ao longo dos anos parte deste acervo foi apresentada em eventos, ações e feiras literárias promovidas pela Agência Ambiental Pick-upau.

Hoje, o acervo é também a principal fonte bibliográfica de técnicos, ativistas e pesquisadores da Organização no desenvolvimento de diversos projetos em inúmeras áreas da ciência e do conhecimento. Os títulos são fundamentais desde a elaboração de projetos até sua conclusão com a publicação de pesquisas, relatórios e outros documentos, através dos mecanismos de divulgação utilizados pela Pick-upau, como por exemplo, a Darwin Society Magazine ISSN 2316-106X.

Para manter e ampliar seu acervo a Pick-upau recebe, através do Projeto Outono, a colaboração e a doação de pessoas físicas e principalmente jurídicas. Sua biblioteca possui livros, revistas, cartilhas, manuais, relatórios, mapas, catálogos, folders, atlas, vídeos, arquivos em áudio, fotografias, matérias, notícias, artigos, entre outros documentos e mídias. Os temas, de forma geral, são ligados ao meio ambiente e suas diversas diretrizes, contudo, têm obras na área de arquitetura, construção civil, literatura clássica e contemporânea, biografias, direito entre outros temas.

Sobre o Pick-upau
A Agência Ambiental Pick-upau é uma organização não governamental sem fins lucrativos de caráter ambientalista 100% brasileira, fundada em 1999, por três ex-integrantes do Greenpeace-Brasil. Originalmente criada no Cerrado brasileiro, tem sua base, próxima a uma das últimas e mais importantes reservas de Mata Atlântica da cidade São Paulo. Por tratar-se de uma organização sobre Meio Ambiente, sem uma bandeira única, o Pick-upau possui e desenvolve projetos em diversas áreas ambientais. Desde a educação e o jornalismo ambiental, através do Portal Pick-upau – Central de Educação e Jornalismo Ambiental, hoje com cerca de 50.000 páginas de conteúdo totalmente gratuito; passando por programas de produção florestal e reflorestamento, questão indígena, comércio justo, políticas públicas, neutralização de gases de efeito estufa até a pesquisa científica, com ênfase na biodiversidade (fauna e flora). Saiba mais: www.pick-upau.org.br

Da Redação
Fotos: Pick-upau/Divulgação