Patrocínio
 


 

Notícias+


Projeto Aves: Aracuã-do-pantanal
Sua vocalização é potente e rouca, dominando a paisagem pantaneira.

ARACUÃ-DO-PANTANAL
Ortalis canicollis (Wagler, 1830)
Família: Cracidae

27/09/2018 – Há duas subespécies, das quais uma ocorre no Brasil, Ortalis c. pantanalensis.

Ortalis c. pantanalensis ocorre no leste do Paraguai, centro-oeste do Brasil, nos estados de Mato grosso e Mato Grosso do Sul.

Tem entre 50 e 56 centímetros. Apresenta plumagem apagada, parte nua da garganta avermelhada; cabeça e pescoço cinza; cauda escura com retrizes externas (penas da cauda) marrom-avermelhado (visível em voo).

Pick-upau/Reprodução/Viviane Rodrigues Reis

Aracuã-do-pantanal (Ortalis canicollis).


Habita matas ciliares, capoeiras, carandazais, bacurizais e fazendas no pantanal.

Sua vocalização é potente e rouca, dominando a paisagem pantaneira, sobretudo no alvorecer, podendo ser ouvida a mais de dois quilômetros. O casal faz dueto e vários outros casais e grupos familiares podem vocalizar juntos. É considerado sentinela, pois acusa qualquer acontecimento inesperado.

Frequenta tanto o chão quanto as copas. É social, deslocando-se em bandos de até 30 indivíduos. Procuram frutos empoleirados em galhadas e são bons dispersores de sementes. Também comem lagartas.

Pick-upau/Reprodução/Viviane Rodrigues Reis

Aracuã-do-pantanal (Ortalis canicollis).


Em comemoração ao centenário da aprovação da Lei do Tratado das Aves Migratórias (MBTA, na sigla em inglês), importantes instituições estrangeiras como National Audubon Society, National Geographic, BirdLife International e The Cornell Lab of Ornithology, oficializaram 2018 como o Ano da Ave. Aqui no Brasil, a Agência Ambiental Pick-upau também realizará uma série de ações para a promoção do Projeto Aves, patrocinado pela Petrobras, incluindo matérias especiais sobre as aves nas mais diversas áreas, como na ciência.

Pick-upau/Reprodução/Viviane Rodrigues Reis

Aracuã-do-pantanal (Ortalis canicollis).



O Projeto Aves realiza diversas atividades voltadas ao estudo e conservação desses animais. Pesquisas científicas como levantamentos quantitativos e qualitativos, pesquisas sobre frugivoria e dispersão de sementes, polinização de flores, são publicadas na Darwin Society Magazine; produção e plantio de espécies vegetais, além de atividades socioambientais com crianças, jovens e adultos, sobre a importância da conservação das comunidades de avifauna.

Pick-upau/Reprodução/Viviane Rodrigues Reis

Aracuã-do-pantanal (Ortalis canicollis).



O Projeto Aves é patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, desde 2015.

Da Redação/Viviane Rodrigues Reis
Fotos: Reprodução/Viviane Rodrigues Reis

 
 
 
 
Copyright 2018 - Pick-upau - Todos os direitos reservados - São Paulo - Brasil
 
 

 

 
Patrocínio
 
 
     
 

Nas Redes

Quem Somos
  Pesquisa Científica
Reflorestamento e Produção Florestal
corporativo@pick-upau.org.br Mitigação de Mudanças Climáticas
55 11 3571-3480 CECFLORA - Centro de Estudos e Conservação da Flora
São Paulo - SP Negócios Sustentáveis
  Publicações
  Acervo Técnico
  Central de Educação e Jornalismo Ambiental