Sons da Natureza
 
 
Patrocínio
 


 

Notícias+


Projeto Aves: Tucano-de-bico-verde
Endêmico da Mata Atlântica

TUCANO-DE-BICO-VERDE
Ramphastos dicolorus (Linnaeus, 1766)
Família: Ramphastidae

02/11/2018 – Espécie monotípica, ou seja, não ocorrem subespécies. É endêmico da Mata Atlântica, ocorrendo do Espírito Santo e leste de Minas Gerais ao Rio Grande do Sul, também no Paraguai e Argentina.

Atinge 50 centímetros. O lado dorsal, as asas, cauda e baixo abdômen possuem coloração preta com pouco brilho azul; bico verde-amarelado com faixa basal preta; o peito é amarelo com grande mancha central laranja; faixa vermelha e larga na região inferior do peito e coberteiras caudais vermelhas.

Vive em pares ou em grupos de 20 ou mais indivíduos em ambientes florestais. Acompanha às vezes bandos de tucano-de-bico-preto (Ramphastos vitellinus) e gralhas azuis (Cyanocorax caeruleus).

 

 

Sons da Natureza: Conheça a vocalização do tucano-de-bico-verde.


A vocalização é semelhante a do tucano-de-bico-preto, porém é mais grave e gutural.
Alimenta-se de frutos como da palmeira-juçara (Euterpe edulis), pitangueira (Eugenia uniflora), abacateiro (Persea americana) e visita comedouros contendo abacate e banana. Também consome filhotes e ovos de outras aves.

Nidifica em ocos de árvores e coloca de 2 a 4 ovos. Torna-se agressivo, perante espécies como os araçaris-banana (Baillonius bailloni), araçaris-castanho (Pteroglossus castanotis), papagaios, maitacas e pica-paus, pela disputa por frutos ou cavidades.

Não está ameaçado, pois apresenta ampla distribuição. A população parece estar reduzindo, devido à perseguição que sofre por visitar plantações e se alimentar de frutos, mas a redução não ocorre nos limiares necessários para se enquadrar como espécie ameaçada.


Pick-upau/Viviane Rodrigues Reis/Reprodução

Tucano-de-bico-verde (Ramphastos dicolorus).


Em comemoração ao centenário da aprovação da Lei do Tratado das Aves Migratórias (MBTA, na sigla em inglês), importantes instituições estrangeiras como National Audubon Society, National Geographic, BirdLife International e The Cornell Lab of Ornithology, oficializaram 2018 como o Ano da Ave. Aqui no Brasil, a Agência Ambiental Pick-upau também realizará uma série de ações para a promoção do Projeto Aves, patrocinado pela Petrobras, incluindo matérias especiais sobre as aves nas mais diversas áreas, como na ciência.

O Projeto Aves realiza diversas atividades voltadas ao estudo e conservação desses animais. Pesquisas científicas como levantamentos quantitativos e qualitativos, pesquisas sobre frugivoria e dispersão de sementes, polinização de flores, são publicadas na Darwin Society Magazine; produção e plantio de espécies vegetais, além de atividades socioambientais com crianças, jovens e adultos, sobre a importância da conservação das comunidades de avifauna.

O Projeto Aves é patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, desde 2015.

Vocalização
Tipo: Canto
Nome Científico: Ramphastos dicolorus
Nome Comum: Tucano-de-bico-verde
Nome em Inglês: Red-breasted Toucan
Localidade: São Paulo, SP, Brasil.
Observação: Gravado no CECFLORA – Centro de Estudos e Conservação da Flora.
Gravação: Viviane Rodrigues Reis (Rodrigues, R. V.)
Imagens: Julio Andrade (Andrade, J.) e Viviane Rodrigues Reis (Rodrigues, R. V.)
Edição e Montagem: Andrea Nascimento e Wilson Najar Mahana
Produção: Projeto Aves
Realização: Agência Ambiental Pick-upau
Patrocínio: Petrobras (Programa Petrobras Socioambiental)
www.pick-upau.org.br
www.projetoaves.org.br


Da Redação

 
 
 
 
Copyright 2018 - Pick-upau - Todos os direitos reservados - São Paulo - Brasil
 
 

 

 
Patrocínio
 
 
     
 

Nas Redes

Quem Somos
  Pesquisa Científica
Reflorestamento e Produção Florestal
corporativo@pick-upau.org.br Mitigação de Mudanças Climáticas
55 11 3571-3480 CECFLORA - Centro de Estudos e Conservação da Flora
São Paulo - SP Negócios Sustentáveis
  Publicações
  Acervo Técnico
  Central de Educação e Jornalismo Ambiental