Patrocínio
 


 

Notícias+


Projeto Aves: Tuiuiú
Ave símbolo do Pantanal

TUIUIÚ
Jabiru mycteria (Lichtenstein, 1819)
Família: Ciconiidae


12/11/2018 – Espécie monotípica, ou seja, não ocorrem subespécies. Apresenta ampla distribuição pela América Central e América do Sul a leste dos Andes. Populações esparsas ocorrem do sul do México até o norte da Argentina e Uruguai. Norte, centro-oeste, nordeste, sudeste e sul do Brasil, nos seguintes estados: Amazonas, Roraima, Pará, Pernambuco, Bahia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul.

Ave pernalta com 140 centímetros, sua envergadura de asa pode chegar a quase 3 metros. Pode pesar até 8 quilos. Os adultos possuem plumagem totalmente branca; cabeça e todo o pescoço nu e preto, base do pescoço vermelha; bico reto com a ponta curvada para cima. A fêmea geralmente tem o bico menor.

Pick-upau/Reprodução/Viviane Rodrigues Reis

Tuiuiú (Jabiru mycteria).


Habita brejos, lagoas, represas, banhados, campos e pastos alagados e áreas abertas adjacentes. Necessita de áreas úmidas extensas e bem preservadas.

Seu voo é potente e plana sem esforço, alcançando grande altura, porém tem dificuldade para decolar. Seu pescoço e suas pernas permanecem esticados durante o voo.

Em geral é silencioso e pode matraquear com o bico.

Caminha com passos largos por capinzais ou pela água rasa, movendo o bico para pegar presas como peixes, rãs, cobras, até jacarés jovens. Aproveita peixes moribundos em lagoas rasas em tempos de estiagem. Comem carniça ao lado de urubus e planam em correntes térmicas ao lado deles.

Pick-upau/Reprodução/Viviane Rodrigues Reis

Tuiuiú (Jabiru mycteria).


Fora da época reprodutiva vive em grupos, às vezes bem numerosos.

O ninho é grande e feito com gravetos sobre árvores altas ou sobre frondes de palmeiras isoladas, e pode ser visto de longe. Todo ano o ninho pode ser reutilizado e ampliado pelo casal. Coloca dois ou três ovos brancos.

Em comemoração ao centenário da aprovação da Lei do Tratado das Aves Migratórias (MBTA, na sigla em inglês), importantes instituições estrangeiras como National Audubon Society, National Geographic, BirdLife International e The Cornell Lab of Ornithology, oficializaram 2018 como o Ano da Ave. Aqui no Brasil, a Agência Ambiental Pick-upau também realizará uma série de ações para a promoção do Projeto Aves, patrocinado pela Petrobras, incluindo matérias especiais sobre as aves nas mais diversas áreas, como na ciência.



O Projeto Aves realiza diversas atividades voltadas ao estudo e conservação desses animais. Pesquisas científicas como levantamentos quantitativos e qualitativos, pesquisas sobre frugivoria e dispersão de sementes, polinização de flores, são publicadas na Darwin Society Magazine; produção e plantio de espécies vegetais, além de atividades socioambientais com crianças, jovens e adultos, sobre a importância da conservação das comunidades de avifauna.



O Projeto Aves é patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, desde 2015.

Da Redação/Viviane Rodrigues Reis
Fotos: Reprodução/Viviane Rodrigues Reis

 
 
 
 
Copyright 2018 - Pick-upau - Todos os direitos reservados - São Paulo - Brasil
 
 

 

 
Patrocínio
 
 
     
 

Nas Redes

Quem Somos
  Pesquisa Científica
Reflorestamento e Produção Florestal
corporativo@pick-upau.org.br Mitigação de Mudanças Climáticas
55 11 3571-3480 CECFLORA - Centro de Estudos e Conservação da Flora
São Paulo - SP Negócios Sustentáveis
  Publicações
  Acervo Técnico
  Central de Educação e Jornalismo Ambiental