Patrocínio
 


 

Notícias+


Projeto Aves: Picapauzinho-verde-carijó
Vive solitário ou em casal e pode juntar-se a bandos mistos de hábitos insetívoros.

PICAPAUZINHO-VERDE-CARIJÓ
Veniliornis spilogaster (Wagler, 1827)
Família: Picidae
Nome em inglês: White-spotted Woodpecker

20/06/2019 – Espécie monotípica, ou seja, não ocorrem subespécies. Tem entre 16 e 20 centímetros.

Ocorre no sudeste e sul do Brasil, leste do Paraguai, nordeste da Argentina e Uruguai. Mata Atlântica do sul do Rio de Janeiro e de Minas Gerais ao Rio Grande do Sul, abrangendo Paraguai e Argentina.

Pick-upau/Reprodução

Picapauzinho-verde-carijó (Veniliornis spilogaster).



Verde escuro barrado e maculado de amarelo; lado dorsal fortemente barrado de claro e escuro; o macho possui o píleo avermelhado.

Habita o interior e bordas de florestas, chácaras e parques urbanos. Vive solitário ou em casal e pode juntar-se a bandos mistos de hábitos insetívoros. Pode consumir frutos de algumas espécies como do pau-pólvora (Trema micrantha).

Pick-upau/Reprodução

Picapauzinho-verde-carijó (Veniliornis spilogaster).



Durante a reprodução torna-se territorial, agredindo outras aves que se aproximam do ninho. Tamborila em galhos secos e a fêmea responde em sequência mais curta e baixa que o macho.

Pick-upau/Reprodução

Picapauzinho-verde-carijó (Veniliornis spilogaster).



O Projeto Aves realiza diversas atividades voltadas ao estudo e conservação desses animais. Pesquisas científicas como levantamentos quantitativos e qualitativos, pesquisas sobre frugivoria e dispersão de sementes, polinização de flores, são publicadas na Darwin Society Magazine; produção e plantio de espécies vegetais, além de atividades socioambientais com crianças, jovens e adultos, sobre a importância da conservação das comunidades de avifauna. O Projeto Aves é patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, desde 2015.

Pick-upau/Reprodução

Picapauzinho-verde-carijó (Veniliornis spilogaster).



Da Redação (Viviane Rodrigues Reis)
Fotos: Pick-upau/Reprodução
Com informações de Comitê Brasileiro de Registros Ornitológicos, 2015; Grantsau, 2010; IOC World Bird List, 2018; Moreira-Lima, 2013; Ridgely et al., 2015; Sigrist, 2014.

 
 
 
 
Copyright 2019 - Pick-upau - Todos os direitos reservados - São Paulo - Brasil
 
 

 

 
Patrocínio
 
 
     
 

Nas Redes

Quem Somos
  Pesquisa Científica
Reflorestamento e Produção Florestal
corporativo@pick-upau.org.br Mitigação de Mudanças Climáticas
55 11 3571-3480 CECFLORA - Centro de Estudos e Conservação da Flora
São Paulo - SP Negócios Sustentáveis
  Publicações
  Acervo Técnico
  Central de Educação e Jornalismo Ambiental