Notícias
 
 
 

Aves que constroem ninhos cúpulas podem estar em perigo
Pesquisa traz novas evidências sobre ninhos e os efeitos sobre as espécies


15/07/2022 – Existem muitos modelos de ninhos de aves, isso depende do tamanho dos animais, de suas características e até das regiões onde vivem. Um desses modelos de ninho é aquele conhecido como cúpula, comuns em espécies da família Icteridae, mas esse padrão pode estar com os dias contados.

Pesquisadores dizem que 30% das espécies de aves são conhecidas como arquitetas de ninhos, construindo abrigos elaborados. Ecologistas acreditam, há bastante tempo, que ninhos abobadados são mais seguros contra predadores e ao próprio clima. Contudo, um novo estudo sugere que espécies de aves canoras que usam ninhos mais simples podem ter vantagens em longo prazo.

Análises estatísticas sobre a evolução das aves canoras indicam que ninhos abobadados era a “arquitetura ancestral” dessas aves. Isso ocorreu em quase todas as aves dessa categoria que podem ser rastreadas até a Australásia, há cerca de 45 milhões de anos, quando Antártida e Austrália eram ligadas e tomadas por florestas ao invés de desertos. Entretanto, esses ninhos foram trocados por modelos tipo xícara, quando as espécies passaram a se espalhar pelo mundo, por volta de 40 milhões de anos.

Pesquisadores da Universidade de Melbourne, em Victoria, na Austrália levantaram a questão do motivo pelo qual aves modernas abandonaram ninhos abobadados e porque apenas 30% das aves ainda usam esse modelo. Para isso analisaram o sucesso ecológico de aves construtoras de ninhos tipo cúpulas, em relação aos construtores de ninhos tipo copos e relacionaram os resultados com dados da evolução.

O estudo analisou 3.100 espécies de aves canoras, verificando a região onde vivem, considerando latitude e altitude, os modelos de ninhos usados e outras informações que pudessem influenciar no sucesso de cada espécie.

Reprodução/Maxpixels

 



A pesquisa publicada revista Ecology Letters revela padrões interessantes. Aves canoras com ninhos abobadados costumam manter uma região de alcance menor, com situações climáticas mais rígidas. Caso esses ninhos oferecessem mais segurança, isso poderia proporcionar um alcance maior dessas aves e suportar condições climáticas mais amplas, mas os resultados do estudo dizem o contrário.

Segundo esses resultados, as aves com ninhos de cúpulas podem ser menos adaptáveis, em relação aos que constroem em formato de copos. Apesar dos modelos abobadados parecerem mais seguros, são maiores e mais expostos aos predadores. Ninhos maiores levam mais tempo para serem construídos e precisam de mais matéria-prima, um custo-benefício analisado pelas aves.

O estudo mostrou ainda que as aves construtoras de cúpulas costuma viver menos em áreas urbanas, talvez pela pequena quantidade de locais adequados para nidificação, escassez de materiais e pelas temperaturas mais altas. Olhando para a história natural das aves, os pesquisadores descobriram que aves que constroem cúpulas tinham percentuais de extinção um pouco mais elevados que aves construtoras de xícaras, por exemplo, contrariando a ideia de que os ninhos cúpulas seriam mais seguros.

Para os pesquisadores as aves construtoras de ninhos tipo domos enfrentam novos desafios como a perda de habitat, mudanças climáticas e outros fatores humanos e taxas de extinção estão acelerando em todo mundo entre várias espécies.

Criado em 2015, dentro do setor de pesquisa da Agência Ambiental Pick-upau, a Plataforma Darwin, o Projeto Aves realiza atividades voltadas ao estudo e conservação desses animais. Pesquisas científicas como levantamentos quantitativos e qualitativos, pesquisas sobre frugivoria e dispersão de sementes, polinização de flores, são publicadas na Darwin Society Magazine; produção e plantio de espécies vegetais, além de atividades socioambientais com crianças, jovens e adultos, sobre a importância em atuar na conservação das aves.

Da Redação, com informações de agências internacionais.
Fotos: Reprodução/Maxpixels

 
 
 
Patrocínio
 
 
 
 

 

Notícias  
 
 
 
 
     
SEJA UM PATROCINADOR
CORPORATIVO
A Agência Ambiental Pick-upau busca parcerias corporativas para ampliar sua rede de atuação e intensificar suas propostas de desenvolvimento sustentável e atividades que promovam a conservação e a preservação dos recursos naturais do planeta.

 
 
 
 
Doe Agora
Destaques
Biblioteca
     
Doar para a Agência Ambiental Pick-upau é uma forma de somar esforços para viabilizar esses projetos de conservação da natureza. A Agência Ambiental Pick-upau é uma organização sem fins lucrativos, que depende de contribuições de pessoas físicas e jurídicas.
Conheça um pouco mais sobre a história da Agência Ambiental Pick-upau por meio da cronologia de matérias e artigos.
O Projeto Outono tem como objetivo promover a educação, a manutenção e a preservação ambiental através da leitura e do conhecimento. Conheça a Biblioteca da Agência Ambiental Pick-upau e saiba como doar.
             
       
 
 
 
 
     
TORNE-SE UM VOLUNTÁRIO
DOE SEU TEMPO
Para doar algumas horas em prol da preservação da natureza, você não precisa, necessariamente, ser um especialista, basta ser solidário e desejar colaborar com a Agência Ambiental Pick-upau e suas atividades.

 
 
 
 
Compromissos
Fale Conosco
Pesquise
     
Conheça o Programa de Compliance e a Governança Institucional da Agência Ambiental Pick-upau sobre políticas de combate à corrupção, igualdade de gênero e racial, direito das mulheres e combate ao assédio no trabalho.
Entre em contato com a Agência Ambiental Pick-upau. Tire suas dúvidas e saiba como você pode apoiar nosso trabalho.
O Portal Pick-upau disponibiliza um banco de informações ambientais com mais de 35 mil páginas de conteúdo online gratuito.
             
       
 
 
 
 
 
Ajude a Organização na conservação ambiental.
     
CONHEÇA + EXPLORE +
SIGA-NOS
 

 

 
Projeto Aves
Missão e Valores Plastic no Thanks
O Que Fazemos Programa Atmosfera
Programa de Compliance Rede de Sementes e Mudas
Voluntariado Novas Florestas
Parcerias Pesquisa em Biodiversidade
Notícias Darwin Society Magazine
Doe Agora Revista Atmosfera
Negócios Sustentáveis Universo Ambiental
Publicações Notícias Socioambientais
Biblioteca C-3PO
CECFLORA R2-D2
Contato  
     
 
Todos os direitos reservados. Agência Ambiental Pick-upau 1999 - 2022.