Pick-upau online
 
 
 
 
 
 
 
 
0Cyberação contra o tráfico de animais
 

Cyberação contra o tráfico de animais silvestres alerta para o grave problema enfrentado no país. Perdendo apenas para o tráfico de drogas e armas, o contrabando de animais silvestres tornou-se uma prática cada vez mais comum no Brasil. Retirados das matas e vendidos em feiras e até em estabelecimentos legalizados, esse crime vem colocando cada vez mais espécies sob o status de ameaçadas de extinção.

Cyberação fala dos perigos em ter um animal silvestre
em casa.

Ibama, policias estaduais e rodoviárias fazem apreensões quase semanais, mesmo assim traficantes e compradores continuam a manter a prática em todo território brasileiro, com destaque para as grandes capitais como São Paulo e Rio de Janeiro.

Campanha alerta para a matança promovida pelo tráfico de animais.

A cyberação foi uma parceria entre o Pick-upau e o Comando de Policiamento Ambiental do Estado de São Paulo. Veja a cyberação completa.

Tráfico de Animais Silvestres
Ajude-nos acabar com esse crime.

“Calcula-se que o tráfico de animais silvestres retire, anualmente, cerca de 12 milhões de animais de nossas matas; outras estatísticas estimam que o número real esteja em torno de 38 milhões.”

Campanha contra tráfico de animais chega ao Shopping SP Market, no Lounge Meio Ambiente, realizado durante a Semana do Meio Ambiente 2008.

Você pode ajudar a combater o tráfico de animais silvestres...
- Não compre animais silvestres;
- Não compre artesanatos que possuam partes de animais silvestres;
- Denuncie traficantes e feiras ilegais de venda de animais.

Hey Bicho! Fique Atento!

O que fazer quando encontrar alguém vendendo um animal silvestre?
Primeiro, não comprar; depois, denunciar às autoridades. Se for em feira livre ou depósito de tráfico, denunciar e fornecer o maior número de informações possíveis. Os dados do denunciante sempre serão preservados. Deve-se passar as informações com maior clareza possível, como o local, data, hora, circunstância etc. Se for na beira da estrada, não comprar e ainda repreender o vendedor dizendo que isso é ilegal e que se ele for flagrado pode, além de perder o animal, sofrer as sanções legais.

Saiba mais:

- Espécies ameaçadas de extinção
- Direitos dos animais
- Legislação sobre a fauna brasileira