Metade de todos os plásticos já fabricados foi feita nos últimos 15 anos.
National Geographic Society

 

 
 
 
+ALIANÇAS
 

Pick-upau assina movimento para criar tratado sobre plástico no mundo

Iniciativa criada pela GAIA e BFFP que mobilizar planeta pelo combate a poluição por plástico

 
 

08/12/2021 – A necessidade de negociação urgente de um novo tratado global para lidar com a crise global de poluição por plástico emergiu como uma prioridade clara para o próximo ano, agora endossada pela maioria dos Estados Membros da ONU e por uma ampla variedade de vozes empresariais. As organizações que integram as coalizões, entre elas a Agência Ambiental Pick-upau, se solidarizam com a comunidade global ao pedir uma solução ambiciosa e abrangente para lidar com o flagelo da poluição por plásticos.

Solicitamos um instrumento global juridicamente vinculativo sobre a poluição por plásticos, cobrindo medidas ao longo de todo o ciclo de vida dos plásticos, incluindo extração de matérias-primas, produção, transporte, uso, descarte e remediação. Os governos devem concordar com um mandato emanado do UNEA5.2 para negociar e adotar um novo acordo tão ambicioso, com disposições e obrigações legais específicas para prevenir e remediar a poluição do plástico e seus impactos tóxicos.



Há vários anos, uma coalizão de organizações internacionais (incluindo GAIA e BFFP) tem promovido a adoção de um tratado internacional.
Foto: Maxpixel/Reprodução


Pedimos aos Estados Membros das Nações Unidas que negociem rapidamente um novo instrumento juridicamente vinculativo para acabar com a ameaça contínua dos plásticos à saúde humana, animal e ambiental. Este processo deve ser baseado em um sistema justo e robusto para garantir a participação das partes interessadas e implementação significativa em todos os níveis sob uma abordagem baseada nos direitos humanos.

Há vários anos, uma coalizão de organizações internacionais (incluindo GAIA e BFFP) tem promovido a adoção de um tratado internacional vinculativo que trata do ciclo de vida completo dos plásticos. A adoção deste tratado será discutida na Assembleia das Nações Unidas para o Meio Ambiente, UNEA 5.2, no final de fevereiro de 2022, e embora haja um grande número de países e uma grande variedade de vozes, incluindo povos indígenas, organizações e empresas solicitando a adoção, haverá oposição obstinada a este tratado por parte de países poderosos alinhados com a indústria petroquímica.

Segundo levantamento prévio da Gaia/BFFP, países da América Latina e Caribe estão divididos quanto a criação de um Tratado Comercial Global sobre Plástico.


A favor do tratado: Antígua e Barbuda, Bahamas, Barbados, Belize, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Dominica, República Dominicana, Equador, Granada, Guatemala, Guiana, Haiti, Jamaica, Peru, St Kitts e Nevis, St Lúcia, São Vicente e Granadinas, Suriname, Trinidad e Tobago, Uruguai.
A favor (discussão): Argentina, Honduras, Panamá, Venezuela.
Sem posição: Bolívia, El Salvador, México, Nicarágua, Paraguai.
Contra: Brasil.

Não temos tempo a esperar nem a perder. A hora de agir é agora.

Da Redação, com informações da Gaia/BFFP
Fotos: Reprodução/Maxpixels


 
 
 
     
     
PARTICIPE    
 
ENVOLVA-SE   TOME UMA ATITUDE
O movimento Plastic no Thanks incentiva empresas, organizações, governos e sociedade civil a trabalhar para um mundo sem poluição plástica.   Precisamos agir e para isso teremos que unir esforços. O movimento Plastic no Thanks é uma ação que trabalha para livrar o planeta do lixo plástico.
     
     
 
 
 
   
UNIDOS PODEMOS
FAZER MUITO MAIS E MELHOR
O Plastic no Thanks espera que sua Empresa integre nosso movimento para reduzir e eliminar o lixo plástico do planeta. Cadastre sua Empresa e faça parte desta iniciativa.

 
 
 
     
     
COMECE AGORA    
 
VOCÊ FAZ A DIFERENÇA   SUAS ATITUDES
Conheça os signatários do movimento Plastic no Thanks. Junte-se à iniciativa.   Conte sua história! Fale para a gente o que você faz para reduzir o consumo de plástico.
     
     
 
 
 
   
SOBRE O MOVIMENTO
PLASTIC NO THANKS
O Plastic no Thanks é um movimento que trabalha para eliminar ou ao menos reduzir a poluição de plástico no planeta, sobretudo aqueles de uso único, como embalagens e peças descartáveis, como copos e canudos.

 
 
 
 
     
     
PLASTIC NO THANKS CONHEÇA + PROJETOS
SIGA-NOS
 

 

 
 
Quem Somos
Signatários Programa de Compliance
Tome uma atitude Negócios Sustentáveis
Envolva-se Projeto Aves
Alianças Rede de Sementes e Mudas
Notícias Pesquisa Científica
Iniciativas Reflorestamento e Produção Florestal
Doar Mitigação de Mudanças Climáticas
FAQ Publicações
Contato Acervo Técnico
  Central de Educação e Jornalismo Ambiental
  Centro de Estudos e Conservação da Flora
   
     
 
Todos os direitos reservados. Plastic no Thanks 2021 - 2022. Agência Ambiental Pick-upau 1999 - 2022.